Ocorreu um erro

Fechar

Esqueci a senha

Insira o CNPJ ou o Email

Fechar

O setor de Recursos Humanos vem mudando e evoluindo cada vez mais. E se até pouco tempo atrás falava-se sobre o RH 4.0, agora a bola da vez é o RH 5.0, modelo de gestão que promete ainda mais inovação.

 

Esta abordagem surgiu com o objetivo de alinhar a gestão de pessoas com as necessidades dos profissionais do século XXI e as exigências do mundo digital. A forma como as empresas fazem a gestão e cuidam de sua força de trabalho está a mudar. Vamos conhecer um pouco mais sobre essa ideia e descobrir como implementá-la no seu negócio. Junte-se a nós aqui!

  • O que é RH 5.0?;
  • Quais os benefícios do RH 5.0?;
  • Principais tendências do setor

 

O que é RH 5.0?

 

A evolução dos métodos tradicionais de RH devido às transformações sociais e digitais deu origem ao RH 5.0, uma abordagem inventiva e estratégica à gestão de RH. Esta nova visão valoriza o uso de tecnologias de ponta e coloca as pessoas no centro da tomada de decisões, ao mesmo tempo que tenta conectar a gestão de pessoas com as demandas do mundo digital.

Criar um ambiente dentro da empresa que estimule a criatividade, o trabalho em equipe e a educação continuada é o principal objetivo para adequar as estratégias de RH aos objetivos e dificuldades enfrentadas pelas empresas no ambiente atual.

Resumindo, o RH 5.0 é uma abordagem modernizada e inovadora à gestão de pessoas, onde a tecnologia é estrategicamente utilizada para promover a formação de equipes, fortalecer a cultura organizacional e incentivar as empresas a crescerem de forma sustentável. 

Esta estratégia enfatiza a criatividade, a adaptabilidade e a humanização do local de trabalho para aumentar a produtividade, promover a colaboração e atrair os melhores talentos.

 

Quais os benefícios do RH 5.0?

 

Já é possível vislumbrar as vantagens adicionais do RH 5.0, que está centrado na humanização da gestão de pessoas por meio de investimentos no bem-estar dos colaboradores. Vamos resumir os principais benefícios para solidificar ainda mais essa ideia:

Reter talentos

A retenção de talentos segue como uma das prioridades entre os gestores de RH e isso não é à toa: desta forma, evita-se o turnover, há uma melhoria do funcionamento da empresa de forma geral e ainda gera-se economia na folha de pagamento.

Os profissionais também preferem trabalhar em equipe quando sua organização se consolida como referência humanizada no mercado, o que agiliza o processo de recrutamento e seleção.

Hoje em dia, aumentos de pessoas, em vez das substituições, são uma tendência. Isso porque corporações estão investindo em qualidade de vida, portanto podendo evitar demissões, isso será feito.

Engajar

De acordo com o alinhamento da cultura organizacional com o bem-estar da equipe, o engajamento pode ser definido como o envolvimento do colaborador e da empresa. Como resultado, podemos afirmar que o RH 5.0 se baseia no envolvimento.

Quando consideramos os caminhos que levam as equipes a se engajarem em fins comerciais, podemos citar principalmente o feedback construtivo, que motiva o colaborador e intensifica seu envolvimento com a empresa e o uso de tecnologias que melhoram a rotina de trabalho, otimizando o tempo do colaborador e tornando suas atividades mais dinâmicas.

Resultados potencializados

A qualidade dos serviços prestados aos colaboradores se reflete nos processos, no atendimento ao cliente e no desempenho dos projetos do seu negócio. Uma equipe satisfeita geralmente cultiva relacionamentos positivos com os clientes, transformando-os em embaixadores da marca.

Quando o seu trabalho é valorizado, bons resultados acontecem. A equipe se sente valorizada e reconhecida quando recebe oportunidades de treinamento e desenvolvimento, benefícios e um ambiente de trabalho positivo.

 

Principais tendências do setor

 

Teletrabalho

Os modelos de trabalho sofreram alterações bruscas após a pandemia de Covid-19. Agora, passado este período, muitas empresas optaram por manter o trabalho remoto e muitas voltaram ao presencial. No entanto, o modelo híbrido – que equilibra estes dois regimes – foi amplamente abraçado no mundo corporativo. Como resultado, o RH deve mais do que nunca estar pronto para lidar com a flexibilidade resultante desta gestão.

Avaliações de desempenho

Ter informações e feedbacks contínuos pode transformar completamente o funcionamento de uma organização. Ou seja, essa regularidade ajuda o colaborador a se sentir valorizado e envolvido nas metas de expansão da empresa, ao mesmo tempo que lhe dá espaço para realizar as melhorias necessárias.

Tecnologia multifuncional

Plataformas e softwares que incluem todas as informações em um só local são um grande investimento na indústria de RH. Lidar com todos os processos da área em um único local facilita uma tomada de decisão mais contundente, ganhando agilidade, rastreabilidade e simplificando tarefas.

 

Inteligência Artificial

A inteligência artificial mal chegou e já revolucionou o mercado de diferentes setores – e o RH não ficou fora disso. Surgiram soluções de IA para aumentar a eficiência dos processos de empresas, e embora ainda haja muito a se desenvolver, a sua aplicação na área já demonstrou melhorar a administração, coleta e análise de dados, auxiliando em diversos processos.

 

Programas de Treinamento

Este é um aspecto que os gestores de RH devem sempre acompanhar. Para um bom desempenho de equipe, os profissionais de Recursos Humanos devem avaliar individualmente os colaboradores, encaminhando para eles um treinamento que os capacite e direcione para o objetivo pretendido, criando uma rede de apoio e investimento no potencial profissional de cada pessoa.

 

Privacidade de dados (cibersegurança)

A segurança é uma das grandes prioridades do setor. Como o vazamento de dados por meio de ataques é uma ameaça constante às organizações, é fundamental que o software utilizado na empresa esteja alinhado à LGPD para garantir proteção ideal na indexação de registros e informações importantes.

 

RH Digital

Está cada vez mais claro que todos os processos eventualmente vão se tornar digitais. Com isso, a ferramenta em questão pode auxiliar nessa área ao combinar dados e procedimentos. Além disso, o RH deve se concentrar em compreender e criar programas adequados ao novo perfil do colaborador, centrado na obtenção de vantagens e flexibilidade no trabalho.

Um conselho geral para 2024 é de que, com os avanços da tecnologia mais intensos e rápidos, o setor de RH deve ser constantemente impactado. É importante que os gestores estejam atualizados e repassem todas as informações e treinamentos necessários para a equipe.

FAÇA UMA COTAÇÃO

FAÇA UMA COTAÇÃO

Central de Vendas